• Ter. Mai 28th, 2024

Batur é o descapotável mais belo da Bentley, mas só há 16 – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Mai 11, 2024


A Bentley voltou a realizar um dos seus habituais milagres, concebendo um dos automóveis mais belos do mercado. O Batur Convertible consegue ser desportivo sem beliscar o requinte ou a imagem luxuosa, com o construtor a garantir que, apesar das dimensões e de todo o equipamento que incorpora, tem uma capacidade de aceleração que o coloca ao nível dos bons superdesportivos do mercado.

O Batur Convertible é obviamente concebido sobre o Batur coupé, com carroçaria fechada, sendo que ambos são construídos não pela Bentley, mas sim pela Mulliner, um carroçador de veículos de luxo que arrancou em 1897, praticamente nos tempos das carruagens e da tracção animal. Hoje, a Mulliner é uma divisão muito especial da Bentley, especializada na produção artesanal e em pequenas quantidades de veículos, destinados a clientes que não se importam de pagar mais para terem um automóvel que seja integralmente a seu gosto, em todos os mais ínfimos pormenores, do exterior ao interior e dos materiais às cores.


5 fotos

O Batur descapotável é o terceiro modelo a ser construído pela Mulliner, depois do Bacalar e do Batur coupé. Mas, para grande pena dos potenciais interessados, apenas 16 unidades vão ser fabricadas, depois de a Mulliner ter produzido somente 18 unidades do coupé com carroçaria fechada. E esta versão a céu aberto acaba por ser a derradeira oportunidade para os fãs da marca terem acesso a um Bentley equipado com o motor que celebrizou o construtor nas últimas décadas, nomeadamente o W12 com seis cilindros de capacidade, que será descontinuado posteriormente.

Além do luxo e do preço necessariamente elevado, o Batur Convertible não abre mão de se assumir como um superdesportivo com raça. Daí que o W12 soprado por dois turbocompressores que monta seja uma versão especial, capaz de debitar 750 cv, com o construtor a não ter ainda anunciado a capacidade de aceleração ou a velocidade máxima que assegura. Porém, se o coupé Continental GT que recorre ao mesmo chassi e está equipado com este mesmo motor (mas com apenas 659 cv), anuncia 335 km/h e 0-100 em 3,6 segundos, podemos esperar valores ainda mais impressionantes, graças aos quase 90 cv adicionais.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *