• Qua. Jul 17th, 2024

A viúva de John Balson diz que sua morte é um ‘fracasso da indústria’

Byadmin

Jun 11, 2024

Produtor de TV britânico John Balson. Cortesia de Yumeno Niimura/Instagram

John Balsona viúva, Yumeno Niimuraprestou homenagem ao produtor de TV britânico após sua morte aos 40 anos.

“A vida de John é agora um legado”, disse Niimura em comunicado ao Prazo final na terça-feira, 11 de junho. “Meu amor por ele nunca morrerá e continuará comigo para sempre. Não posso ‘seguir em frente’ com meu amor por John, e nunca conseguirei. O amor é a única coisa que nunca morre.”

Niimura chamou seu marido de “dedicado, leal e trabalhador”, que era seu “melhor amigo e o amor da minha vida que levei 32 anos para encontrar”.

Niimura observou que tem havido uma “mancha de amor e apoio” dos amigos e familiares de Balson desde que ele morreu por suicídio em 17 de maio. Ela deu um grito doce aos pais dele, que ela disse terem “escolheram continuar a me amar. , minha filha e nosso bebê ainda não nascido como uma extensão de seu amor por seu filho.”

Mortes de celebridades de estrelas de 2.024 que perdemos este ano 794 Ewen MacIntosh

Relacionado: Mortes de celebridades em 2024: estrelas que perdemos este ano

Hollywood lamentou muitas celebridades em 2024. A estrela do Speed ​​Racer, Christian Oliver (nascido Christian Klepser), morreu aos 51 anos durante um acidente de avião fatal em 5 de janeiro. Oliver estava voltando para casa depois de férias no Caribe com suas duas filhas – Madita e Annik, a quem ele compartilhou com a esposa Jessica Klepser – em 4 de janeiro. […]

Balson morreu um mês depois de parar de trabalhar na terceira temporada do Channel 4 Nos passos dos assassinos. Balson, que disse ter sentido dores extremas e tonturas antes de sua morte, foi informado por profissionais médicos que provavelmente era um distúrbio de enxaqueca vestibular.

O Canal 4 ordenou uma investigação independente sobre as circunstâncias da morte de Balson, Prazo final relatado na terça-feira. A produtora do programa, Alaska TV, disse que o bem-estar dos membros de sua equipe era de “suprema importância”.

Viúva do produtor de TV britânico John Balson divulga declaração emocional após sua morte
Cortesia de John Balson/Instagram

“A perda de John Balson não é apenas a sua vida; é um fracasso da indústria. A indústria pode encontrar um substituto no dia seguinte, mas nunca haverá outro John Balson”, disse Niimura em seu comunicado, acrescentando que “espera que ninguém mais experimente o que passamos” no início deste ano.

Niimura observou que seu marido a informou que as pequenas produtoras têm “orçamentos irrealisticamente baixos” e “muitas vezes forçam trabalho extra e atribuições irrealistas a freelancers como ele”.

Niimura lembrou que Balson ficou “genuinamente animado” quando conseguiu o cargo, dizendo: “Ficamos muito orgulhosos porque ele foi uma das duas pessoas selecionadas entre mais de cem candidatos”.

Para a função, Balson era obrigado a se deslocar três vezes por semana para um escritório que ficava a duas horas de distância. Além da viagem, Niimura disse que Balson disse a ela que recebeu ameaças de alguém associado a uma pessoa que estava pesquisando e que foi responsabilizado pela produção quando uma família se recusou a participar. (A Alaska TV não abordou essas alegações, citando a investigação.)

Balson acreditava que o “estresse” em seu local de trabalho era uma das razões pelas quais ele estava sentindo “dor insuportável”.

“É inevitável que ele tenha sofrido uma pressão enorme”, disse ela. “A parte mais triste e cruel da vida é quando a pessoa que te deu as melhores lembranças se torna uma lembrança. Minha filha de três anos nunca se lembrará dos momentos queridos que teve com ele.”

Prazo final relatou que Balson não tinha histórico de doença mental, segundo sua família. Balson, que trabalhou em projetos como o da Netflix Quando o desaparecimento se transforma em assassinatosupostamente teve dificuldades ao lidar com tópicos e colaboradores difíceis, observou o meio de comunicação.

Alaska TV adicionou em um comunicado ao Prazo final, “Foi com grande tristeza que soubemos do falecimento de John – um diretor extremamente talentoso e atencioso, cuja falta será imensa para todos nós. O bem-estar de todos os nossos funcionários é de suma importância e, embora não possamos comentar mais devido à investigação do Channel 4, nossos pensamentos e amor estão com a família e amigos de John neste momento tão difícil”.

Se você ou alguém que você conhece está passando por dificuldades ou em crise, há ajuda disponível. Ligue ou envie uma mensagem de texto para 988 ou converse em 988lifeline.org.

Source link

By admin

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *