• Qua. Jul 17th, 2024
Rússia liberta 10 prisioneiros civis ucranianos: Zelensky

Alguns dos libertados estão presos desde 2017.

Kyiv:

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, disse na sexta-feira que 10 civis, incluindo um político e dois padres, feitos prisioneiros na Rússia e na Bielorrússia, foram libertados num acordo mediado pelo Vaticano.

Rússia e Ucrânia trocaram centenas de prisioneiros ao longo do conflito de dois anos, geralmente em trocas de um por um, mas a libertação de prisioneiros civis é mais rara.

“Conseguimos trazer de volta mais 10 de nossos homens do cativeiro russo”, disse Zelensky em uma publicação no Telegram. Não ficou imediatamente claro se a libertação era parte de um acordo de troca envolvendo prisioneiros russos mantidos na Ucrânia.

Alguns dos libertados estão na prisão desde 2017, disse ele, presos em partes do leste da Ucrânia controladas pela Rússia que na época eram governadas por separatistas apoiados por Moscou.

Desde então, a Rússia anexou quatro regiões ucranianas — Donetsk, Kherson, Lugansk e Zaporizhzhia — além da península da Crimeia, que conquistou em 2014.

A lista dos libertados incluía Nariman Dzhelal, um importante político tártaro da Crimeia, e dois padres da Igreja Greco-Católica Ucraniana.

Cinco deles foram originalmente presos na Bielorrússia, aliada próxima da Rússia, inclusive sob acusações de auxiliar o exército de Kiev fornecendo informações sobre movimentos militares russos.

A Rússia invadiu a Ucrânia através da Bielorrússia no início da guerra e embora Minsk não tenha aderido à ofensiva russa, as forças armadas dos dois países estão intimamente ligadas.

“Todos eles foram libertados e agora estão de volta à Ucrânia”, disse Zelensky.

“Gostaria também de destacar os esforços do Vaticano para trazer essas pessoas para casa”, acrescentou, sem dar mais detalhes.

(Exceto a manchete, esta história não foi editada pela equipe da NDTV e é publicada a partir de um feed distribuído.)

Source

By admin

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *