• Sex. Jul 12th, 2024

Será mesmo importante mudar o sistema eleitoral? Ligue 910024185 e entre em direto no Contra-Corrente – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Jul 4, 2024

Esta quinta-feira olhamos para o manifesto que pede uma reforma no sistema eleitoral. A nossa democracia tem 50 anos, a Constituição já fez 48 anos, mas as discussões sobre a reforma do sistema eleitoral duram também há muito tempo, há mais de três décadas. Esta quarta-feira foi publicado mais um manifesto a pedir que a Assembleia da República reabra de novo esse debate. São 25 subscritores e entre eles estão antigos líderes partidários, antigos ministros e gente que há muitos anos defende a necessidade de mudanças. Para além da melhoria da representatividade e da democraticidade de cada ato eleitoral, aquilo que também parece mover os promotores deste manifesto é a convicção de que mudando as regras da luta eleitoral podemos melhorar a nossa democracia, a começar por mudanças na forma de funcionar dos partidos políticos. É isso que queremos discutir no Contra-Corrente: saber se o nosso sistema eleitoral é assim tão mau e que outros sistemas poderíamos copiar. A reforma do sistema eleitoral pode ser “bala de prata” capaz de reconciliar os cidadãos com a política, com a democracia, no fundo com as nossas instituições?

Entre as 10h10 e as 12h00 pode dar a sua opinião e falar em direto com José Manuel Fernandes e Helena Matos. Basta inscrever-se ligando para o 910024185. Pode também enviar mensagens de voz gravadas, com menos de 2 minutos, por Whatsapp para o 910024185. Se preferir, pode fazer neste artigo um comentário escrito, que será lido no ar. E pode ainda enviar um e-mail com a sua opinião para [email protected].

Pode ouvir o programa em direto clicando aqui. Pode também ouvir a Rádio Observador em fm, em 93.7 ou 98.7 na Grande Lisboa; em 98.4 no Grande Porto e Minho; e em 88.1 no distrito de Aveiro. O programa ficará disponível em podcast aqui.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *