• Dom. Jul 14th, 2024

Coates sai do Sporting oito anos e meio depois e volta ao Uruguai – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Jul 6, 2024

Ao longo da última temporada, Sebastian Coates foi tendo um sentimento misto sempre que falava sobre o seu futuro. Por um lado, até por coincidir com uma época em que entrou no top 10 dos jogadores com mais encontros oficiais pelo Sporting além de ser o estrangeiro que vestiu mais vezes a camisola verde e branca, ia falando da permanência em Alvalade de forma natural, até por ter mais um ano de contrato acionado de uma forma automática ao cumprir 30 partidas com 45 ou mais minutos. Por outro, nunca deixou de afastar por completo a possibilidade de regressar ao Uruguai numa fase final da carreira após ter passado mais de uma década na Europa. Faltava apenas saber quando os pratos da balança iriam desequilibrar para o lado sul-americano. Em princípio, seria em 2025. Na verdade, vai ser mesmo agora, neste verão de 2024.

A informação começou a circular de forma surpreendente na noite desta sexta-feira nos meios uruguaios e não demorou a chegar a Portugal, onde tudo foi tratado com os responsáveis do Sporting e do Nacional, clube onde o central de 33 anos fez a formação. Numa primeira instância, Sebastián Eguren, diretor do conjunto uruguaio, apresentou em Lisboa uma proposta concreta ao jogador, que aceitou o contacto para voltar já ao país. Depois, seguiram-se negociações com os leões para poder cessar o contrato até junho de 2025, algo que também terá sido conseguido. É esperada uma oficialização da transferência nas próximas horas.

“Tenho mais um ano de contrato no Sporting. O contrato agora renovou automaticamente. Portanto, agora quero desfrutar das férias e depois, no momento certo, falarei com o Nacional, se quiserem. Mas tenho mais um ano de contrato com o Sporting e não com o Nacional. Estou sempre em contacto com o Nacional, tenho um amigo, o Mauricio [Pereyra], que joga lá e estou sempre em contacto com ele. Tenho mais um ano de contrato com o Sporting e respeito esse vínculo. A ideia agora é desfrutar das férias e depois pensar no que aí vem”, tinha referido o internacional no final de maio, quando chegou ao Uruguai de férias.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“Perdi um amigo, um irmão. Foi um jogo complicado”: a dor de Coates entre o primeiro bis na Liga que fica para a história

“Há que se muito cauteloso com isso. Criar muitas expectativas não é bom, por isso digo que tenho mais um ano de contrato e depois veremos o que poderá acontecer. Não gosto de criar expectativas para ninguém. Balanço da época? Felizmente fomos campeões, que era o objetivo de toda a gente. Fico contente por ter conseguido mais um objetivo e por ter jogado bastante tempo. Não esperava ganhar com tanta diferença, normalmente o Campeonato costuma ser equilibrado. Fomos consistentes, durante todo o ano não perdemos pontos em casa, e por isso foi uma bela temporada. Tivemos uma final [da Taça de Portugal] que não conseguimos ganhar mas, no geral, o balanço foi positivo porque conseguimos o principal objetivo”, acrescentou ainda no mesmo momento, falando sobre a temporada de 2023/24 ao serviço dos leões.

De recordar que, durante a última época, Seba Coates, que chegou a Alvalade em janeiro de 2016 ainda por empréstimo do Sunderland, tornou-se o estrangeiro com mais encontros oficiais pelo conjunto leonino, tendo ainda entrado no top 10 dos jogadores com mais partidas na história do clube com um total de oito títulos: dois Campeonatos, uma Taça de Portugal, quatro Taças da Liga e uma Supertaça. O momento em que chegou aos 344 jogos (agora levava 369) foi assinalado de forma particular pelos leões, que fizeram uma festa comemorativa do marco com a presença do plantel e também de antigos capitães de equipa.

De “rapaz pacato” a líder incontestado: Coates, El Capitán que escolheu sempre o Sporting até conseguir fazer história

“Chegar a um clube como o Sporting e ter tantos jogos é algo que nunca imaginei mas sonhas com estas coisas desde pequeno. Quando se torna realidade, é desfrutar pois é sempre lindo receber estas homenagens, tanto a de ontem no Estádio como a de hoje. Agradeço a todos. Próximas marcas? Vou de 50 em 50, quando cheguei aos 300 disse que queria chegar aos 350 e vou tentar cumprir. Depois pensaremos mais à frente”, apontou nessa ocasião, em dezembro de 2023, El Capitán da formação verde e branca.

Sporting anuncia contratação de Sebastián Coates por empréstimo do Sunderland

“Daqui a um mês, faz oito anos que o Seba chegou a este clube e, com grande certeza, fui uma das primeiras pessoas a recebê-lo. Nunca sonhei que viesse a fazer tantos jogos mas está cá em grande forma e isso muito se deve não ao seu talento, velocidade ou altura, mas ao seu profissionalismo desde o primeiro dia. São 344 jogos, um número impressionante, mas para os sócios pesam também os troféus que conquistou. Não tenho dúvidas de que estes números não vão ficar por aqui, o Seba vai continuar a fazer mais jogos e a trazer mais troféus”, destacou também Frederico Varandas, presidente do Sporting, nessa cerimónia.





Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *