• Seg. Out 2nd, 2023

Os alertas de Centeno para Medina (e para nós) – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Set 5, 2023

Temos primeiro de retirar, não a gordura, mas toda a cirurgia plástica da “análise do governador”, não caindo na tentação de nos concentrarmos nas mais variadas magias estatísticas e realidades alternativas e criativas, tão características nos discursos de Mário Centeno. E que, neste texto em concreto, desafia o primeiro lugar de António Costa enquanto “optimista irritante”.

Tirando então, e para já, o tom rosa, mais forte que o do mundo Barbie, desta inusitada análise, ficam as mensagens. E há duas muito importantes, uma para todos nós, cidadãos em geral, a outra mais enquadrada na batalha política. Comecemos por isso por aquela que nos pode afectar a todos no curto prazo.

O governador do Banco de Portugal acabou de nos confirmar que se avizinham tempos difíceis. “Num momento de possível mudança do ciclo económico (…)”, diz-nos o governador. E mais à frente avisa-nos que não está colocada de parte uma recessão. “O enquadramento económico (externo) mostra sinais de desaceleração e mesmo com dimensões recessivas. Os indicadores económicos da área do euro divulgados em julho não são animadores, mas o cenário em que evitamos uma recessão está ainda no centro das nossas avaliações”.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *