• Seg. Abr 15th, 2024

Juiz da Georgia impede que Donald Trump vá a julgamento em outubro deste ano – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Set 14, 2023

Um juiz do estado da Georgia, nos EUA, negou um pedido para apressar o julgamento no processo em que Donald Trump é acusado de participar num esquema ilegal para anular a sua derrota nas eleições presidenciais de 2020.

De acordo com a CNN, o julgamento do ex-Presidente dos EUA deverá começar apenas em 2024, tendo em conta que o pedido da procuradora distrital de Fulton, Fani Willis, para que o julgamento de Trump e de outros 16 suspeitos começasse já no próximo mês de outubro, foi chumbado.

Ainda que o juiz tenha decidido recusar o pedido, na quarta-feira ex-presidente dos EUA tinha renunciado ao direito de pedir um julgamento rápido. Esta renúncia de pedido vai em linha com os esforços que o recandidato às eleições primárias pelo Partido Republicano tem feito nos seus outros casos, procurando atrasar os procedimentos, para preparar um regresso à Casa Branca nas eleições de 2024.

Os procuradores dizem que a realização de vários julgamentos demorados, em vez de um que comece em 23 de outubro, “criaria uma enorme pressão sobre os recursos judiciais” do tribunal e favoreceria os réus julgados pois teriam a vantagem de ver as provas e os argumentos da acusação antes de serem julgados.

De acordo com a lei da Geórgia, qualquer réu que apresente um pedido de julgamento rápido tem o direito de que o julgamento comece dentro do prazo do tribunal quando o pedido for apresentado ou no próximo prazo proposto pelo tribunal. Entretanto, cinco dos 19 réus estão a tentar que os seus casos sejam ouvidos em tribunais federais e não em tribunais estaduais.

Entre eles está o ex-chefe de gabinete de Trump na Casa Branca, Mark Meadows, que argumentou que as suas acusações se referem a situações no âmbito das suas funções como funcionário federal.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *