• Dom. Mai 26th, 2024

Novo Hyundai Kauai Electric é maior e vai mais longe – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Set 21, 2023


Depois das versões a gasolina e híbridas da segunda geração do Kauai terem chegado a Portugal em Julho, Janeiro de 2024 será o mês escolhido para assistir à introdução do Kauai Electric, o SUV sul-coreano que promete uma autonomia acima de 500 km entre recargas. Tal como o seu antecessor, será proposto no mercado nacional com dois níveis de potência, superiores às anteriores, a que correspondem outros tantos níveis de autonomia.

Este novo SUV da Hyundai cresce consideravelmente face ao seu antecessor, ganhando 15 cm em comprimento e 6 cm na distância entre eixos, tudo para cumprir a vontade do construtor em garantir mais espaço no habitáculo e mala. Com 4,355 m de comprimento, o Kauai posiciona-se de forma cada vez mais evidente entre os maiores SUV do segmento B. Esta opção leva a que seja ligeiramente mais pesado, 80 kg com a bateria pequena (que cresce em capacidade de 39,2 para 48,4 kWh, mais 23,5%) e 13 kg com a bateria grande (que aumenta apenas de 64 para 65,4 kWh úteis, mais 2,2%), peso que se deve sobretudo ao incremento geral da capacidade do acumulador face à geração anterior.

A estética do novo modelo é mais rebuscada e atraente. Uma linha de LED delimita a frente a toda a largura, o mesmo acontecendo com a traseira. Experimentámos entrar e sair do habitáculo e a operação é sempre fácil, tanto à frente como atrás, sem obrigar um indivíduo com 1,75 m de altura a ter de fazer grande ginástica para não bater com a cabeça. Uma vez lá dentro, a ausência de túnel longitudinal facilita a acomodação e as deslocações de um lado para o outro, ao longo do assento posterior, que nos pareceu ligeiramente mais espaçoso, não só para a pernas (a maior distância entre eixos ajuda), como também ao nível dos ombros (mais 2,5 cm) e da cabeça (mais 1 cm).


8 fotos

Curiosamente, é a mala quem mais cresce, oferecendo agora 466 litros, bem longe dos anteriores 332, com o valor a poder atingir 1300 litros com o rebatimento do banco posterior, sendo que o novo Kauai a bateria disponibiliza ainda uma frunk lá à frente com 27 litros, ideal para alojar os cabos de carga. Além do maior espaço no habitáculo e na bagageira, os utilizadores vão apreciar a tomada de 220V que existe na consola junto ao assento traseiro, bem como a possibilidade da tomada de carga CCS poder ser utilizada para extrair energia (a 3,6 kW) do pack de baterias através do sistema V2L (vehicle to load), ambas ideais para recarregar as bicicletas eléctricas, a máquina do café ou os brinquedos dos miúdos.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Como é ao volante?

Conduzimos o novo Kauai Electric durante um curto percurso misto, que juntou auto-estrada e uma zona semi-urbana. A nova geração do Kauai começa por agradar devido ao novo interior, com os dois ecrãs (o que faz de painel de instrumentos e o ecrã central) a surgirem juntos, numa solução similar à estreada pelo Ioniq 5 e que é simultaneamente funcional e agradável à vista. O software parece similar e fácil de utilizar, com o novo Kauai a bateria a parecer mais confortável do que o antigo, o que pode ser explicado pela maior distância entre eixos.

Trocando o banco da frente pelo traseiro, torna-se evidente onde o ganho de espaço foi conseguido, com o fundo plano a facilitar a acomodação de três adultos, que passam ainda a ter mais espaço disponível para as pernas e para a cabeça. O ganho é igualmente importante na bagageira, com a frunk a assegurar um local onde guardar o cabo de recarga, que consegue ficar bastante sujo durante uma noite ao relento num dia de chuva.


3 fotos

A nova geração do Kauai Electric é mais rápida a acelerar (0-100 km/h em 8,8 segundos contra 9,9, com a bateria pequena, para com a grande atingir esta fasquia em 7,8 segundos, em vez de 7,9), ganhando igualmente em matéria de velocidade máxima, anunciando 162 km/h em vez de 155 km/h, com a bateria Standard, para evoluir de 167 para 172 km/h na versão Long Range.

Mais potência e, sobretudo, mais autonomia

O Kauai a bateria já era oferecido na geração anterior com dois níveis de potência. A versão mais acessível estava equipada com um motor de 136 cv associado a um acumulador com a capacidade de 39,2 kWh úteis, enquanto a versão mais potente disponibilizava 204 cv e uma bateria com 64 kWh. Na nova geração, tanto a potência como a capacidade da bateria foram revistas em alta, com a versão denominada Standard a aliar um motor 156 cv e uma bateria com 48,4 kWh, para o Kauai Electric Long Range oferecer 218 cv e 65,4 kWh.

Já vimos atrás que a nova geração do modelo da Hyundai ganha em velocidade e em capacidade de aceleração, mas será ainda mais importante para os potenciais clientes que exiba igualmente melhorias em termos de consumo e autonomia. De acordo com a marca sul-coreana, o Kauai Standard Range reivindica a capacidade de percorrer 377 km entre visitas ao posto de carga, o que representa um ganho de 72 km ou 23,6%, devido ao facto de possuir mais 23,4% mais de bateria. A versão Long Range, cuja capacidade do acumulador aumentou apenas 2,2%, ganhou 6,2% na distância, conseguindo percorrer mais 30 km, ou seja, atingir um total entre recargas de 514 km.


7 fotos

Ambas as baterias são de polímeros de iões de lítio, com as células a serem produzidas na fábrica polaca da LG Chem, para depois serem transportadas para a vizinha República Checa, onde a Hyundai tem a linha de montagem que produz uma série de modelos da gama compacta, do Tucson ao i30, passando pelos Kauai a combustão e, claro está, eléctricos. Muito robotizada, esta linha de produção oferece a vantagem de conseguir produzir uma vasta gama de modelos sem ter de mudar de ferramentas, face à versatilidade da linha e dos robots, também eles fabricados pela Hyundai.

Quando chega e por quanto?

Apesar dos Kauai da 2.ª geração já estarem disponíveis entre nós, com motores de combustão a gasolina e híbridos, as duas versões eléctricas só serão entregues aos primeiros interessados portugueses em Janeiro de 2024. Os preços ainda estão no segredo dos deuses, com a Hyundai em Portugal a prever o anúncio dos valores exactos mais próximo da data de lançamento.

O actual Kauai Electric, com 136 cv e bateria de 39,2 kWh, é proposto por valores a partir de 38 mil euros, pelo que é de esperar um preço ligeiramente superior para o novo Kauai com 156 cv e 48,4 kWh. O mesmo acontece com a versão Long Range, que na geração anterior (204 cv e 64 kWh) era comercializada por 43 mil euros e que, por vontade da Hyundai Portugal, certamente elevará a fasquia. Porém, a margem de manobra para incrementos está reduzida, com a descida de preços da Tesla e os descontos e promoções de alguns concorrentes, pelo vamos acompanhar o posicionamento que a marca reserva para o novo Kauai em Portugal.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *