• Dom. Mai 26th, 2024

Zelensky sai de Washington com republicanos divididos e sem mísseis de longo alcance, mas consegue (alguma) ajuda militar – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Set 22, 2023

Congresso, Pentágono, Casa Branca. Em poucas horas, o Presidente da Ucrânia esteve nos principais órgãos políticos e militares dos Estados Unidos da América (EUA). Ainda não eram sete da manhã (mais cinco horas em Lisboa) e Volodymyr Zelensky já estava em Washington. O desfecho deste dia com uma agenda tão intensa? Em termos concretos, um novo pacote militar avaliado em 325 milhões de dólares (cerca de 305 milhões de euros).

Dois dos objetivos com que Volodymyr Zelensky partiu para Washington acabaram por não se concretizar totalmente. Um era uma operação de charme para cativar o Partido Republicano — cada vez mais cético sobre a continuidade do apoio à Ucrânia —, de modo a convencer os seus membros a dar luz verde a um pacote de ajuda substancial avaliado 24 mil milhões de dólares (aproximadamente 21 mil milhões de euros).

Nesta questão, os resultados foram limitados. Ainda que o presidente da Câmara dos Representantes, Kevin McCarthy, tenha descrito a reunião com o Chefe de Estado ucraniano como “produtiva” e “boa”, o republicano não permitiu que Volodymyr Zelenksy discursasse no Congresso, justificando com a falta de tempo e com uma semana legislativa complicada. E preferiu não comprometer-se com uma resposta ao pacote de ajuda de 24 mil milhões de dólares.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *