• Qui. Mai 30th, 2024

Villas-Boas baliza objetivos em dia de inauguração do Portal das Eleições – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Abr 15, 2024

À semelhança do que tem acontecido nos últimos fins de semana mediante o calendário da equipa de futebol, André Villas-Boas voltou a organizar este domingo na sede mais um momento de “Conversas à Moda do Porto”. “Para falar sobre a História do nosso grande Clube. Um passado repleto de conquistas, alegrias e boas memórias. Um passado que queremos honrar e levar para a construção do futuro do FC Porto”, explicava no convite que fazia a todos os associados e adeptos para se juntarem à candidatura da lista B. No entanto, e por não haver um “tema” em específico como aconteceu noutros momentos, a conversa versou sobretudo sobre um futuro próximo e uma data em concreto: 27 de abril, o dia D da decisão dos azuis e brancos.

“Temos feito as diligências necessárias com o doutor Lourenço Pinto [presidente da Mesa da Assembleia Geral e, por inerência, Eleitoral] relativamente ao ato eleitoral. Ele tem respondido a todas as questões. Só estamos à espera de uma resposta, para saber se os candidatos a órgãos sociais podem ser membros delegados nas mesas de voto. Essa é a única questão que está por responder e o que nos foi dito é que será a 17 de abril, o dia em que nos vamos encontrar, que teremos a resposta”, começou por explicar o ex-treinador dos dragões a propósito dos delegados às mesas de voto durante o escrutínio no Estádio do Dragão.

“Com 44 mesas de voto é um universo de muita gente que queremos movimentar e que facilitaria de certa forma que os candidatos a determinados órgãos sociais pudessem ser também delegados às mesas, não só na nossa lista, como na lista dos outros candidatos,. Esta é a única resposta por dar. Tudo o resto tem sido respondido, tanto que há um documento operacional que já foi passado às candidaturas sobre o ato eleitoral. Para já a resposta que fica por dar. Nós estamos a preparar-nos com delegados às mesas, onde pretendemos ter um efetivo e um suplente que possa ser substituído em cada mesa e ter essas listas prontas, seja qual fora a sua decisão. Quanto à transparência do ato eleitoral, fazemos fé na boa organização da Mesa da Assembleia Geral, que é o órgão máximo do FC Porto”, explicou a esse propósito André Villas-Boas.

Em paralelo, o líder da lista B deixou ainda uma mensagem importante em relação à adesão em massa de associados ao escrutínio eleitoral. “Zelo para que estas sejam realmente as eleições mais votadas de sempre, que dobrem o número recorde estabelecido em 1988, que esteve entre os 10 e os 16 mil votantes. Desta vez, estimam-se que votem entre 30 a 35 mil sócios e isso seria um número bem superior. Portanto, fazer fé e acreditar nas pessoas é o que eu quero”, salientou, citado pelo jornal O Jogo.

Em paralelo, este domingo assinalou a abertura do Portal das Eleições, um site criado pelo FC Porto para ir divulgando informações aos associados. Numa primeira mensagem, a candidatura de André Villas-Boas fez questão de reforçar três grandes objetivos da lista B: “Contribuir para que mais associados portistas participem no ato eleitoral, apelando vivamente a todos para que não deixem de estar presentes neste momento solene, democrático e de importância decisiva para o futuro do FC Porto, dar voz a um crescente número de portistas insatisfeitos com o rumo que vem levando, nos tempos mais recentes, o clube e congregar as vontades e competências para apresentar um projeto de renovação e mudança tranquila do modo de estar e funcionar do clube, sem nunca deixar de respeitar integralmente as causas e os princípios e de garantir um compromisso com a vitória em cada campo e em todas as modalidades”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *