• Qui. Mai 30th, 2024

Lídia Pereira eleita vice-presidente do PPE após saída de Rangel – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Abr 17, 2024

A eurodeputada social-democrata Lídia Pereira foi eleita nesta quarta-feira vice-presidente do Partido Popular Europeu (PPE), ocupando um cargo que era desempenhado por Paulo Rangel, com apenas mais uma sessão plenária agendada para Estrasburgo, na próxima semana.

Lídia Pereira, “número dois” do PSD nas listas às últimas eleições europeias, em 2019, foi eleita por unanimidade para a vice-presidência do grupo parlamentar do PPE, de acordo com um comunicado divulgado pelo partido.

Paulo Rangel era vice-presidente do PPE em contexto parlamentar, mas deixou de desempenhar essas funções em simultâneo com as de eurodeputado para integrar o XXIV Governo Constitucional enquanto ministro dos Negócios Estrangeiros.

A economista de 32 anos integra a Comissão dos Assuntos Económicos e Monetários do Parlamento Europeu (PE) e é, a partir desta quarta-feira, uma de dez vice-presidentes do PPE.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Só há mais uma sessão plenária antes das eleições europeias, em Estrasburgo antes das eleições europeias, na próxima semana. As eleições europeias vão realizar-se entre 6 e 9 de junho nos 27 Estados-membros da União Europeia. Em Portugal, o sufrágio vai realizar-se no dia 09. Há sete grupos políticos no PE, que hoje é composto por 705 deputados. O PPE é o grupo com maior representação, com 176 eleitos.

Europeias: mais de metade dos portugueses desconhece data das eleições

O social-democrata Paulo Rangel foi substituído no PE por Ana Miguel Santos, oitava na lista de candidatos em 2019.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *