• Qui. Mar 23rd, 2023

Sabe o que o seu banco lhe cobra? Descubra as cinco comissões mais “bizarras”

ByGabriel Branco

Fev 28, 2023

A DECO Proteste estudou 17 bancos que cobram simples serviços como fotocópias, levantamento de dinheiro, depósito de moedas e, até, alteração do titular de conta, mesmo em caso de divórcio ou maioridade de idade. Veja aqui o que o seu banco cobra por alguns serviços.

Segundo um estudo da DECO proteste, há comissões bancárias que são “verdadeiros assaltos à mão armada” à carteira do consumidor, como a cobrança por fotocópias, depositar moedas e levantar dinheiro, por exemplo.

A Assembleia da República já começou a discutir a proibição ou limitação de algumas comissões bancárias e, nesse contexto, a DECO lançou um estudo minucioso a 17 bancos que cobram simples ações aos seus clientes, evidenciando as mais bizarras.

As fotocópias

Se um cliente for pedir a reprodução de um documento no banco pode estar sujeito à cobrança de uma taxa, apurou a DECO.

Dependendo do banco, um pedido de uma fotocópia pode ser cobrado pelo simples serviço, pela página ou folha. Considerando as variadas formas de cobrar, o valor médio a gastar é de 19,13 euros, sendo 6,38 euros por páginas.

Apenas o ActivoBank e os CTT não cobram para fotocopiar.

Depositar moedas

Para depositar moedas, em média, os clientes gastam 7,14 euros, apesar de já haver máquinas para a contagem das mesmas.

Se o consumidor quiser depositar mais de 25 moedas, a comissão mínima é de 2,60 euros, com exceções como o Best Bank e o BNI Europa, que não cobram por este serviço.

Já o Abanca, ActivoBank, Banco Montepio, Caixa Geral de Depósitos e Millennium BCP não cobram a comissão até depósitos de 25 moedas.

Contrariamente, o BBVA cobra 7,80 euros por qualquer depósito até 99 moedas. Acima de 100 moedas, o consumidor tem de estar preparado para pagar mais 5,20 euros.

Levantar dinheiro

Levantar dinheiro poderá ter um custo para o consumidor e a DECO apurou que, em média, o cliente tem de pagar 6,97 euros.

De novo, o BBVA é o banco que cobra mais, sendo 15,60 euros o custo do levantamento, seguido do Atlântico Europa e Novo Banco que cobram 12 euros.

Apenas o BNI Europa é que não cobra ao cliente por este serviço.

Pedir segunda via do extrato bancário

Apesar de já não ser um pedido comum na era digital, a necessidade de pedir uma segunda via do extrato bancário ainda existe e, para esse efeito, custa, em média, 14,40 euros.

Para os clientes do BNI Europa custa 26 euros, no Banco BiG 24,60 euros e apenas o Banco BPI, o Abanca, a Caixa Agrícola e o Millennium BCP cobram menos de 10 euros.

Titularidade da conta

Para alterar a titularidade da conta os clientes pagam, em média, 8,14 euros. Os bancos que mais se fazem pagar para estes serviços são o Atlântico Europa, que cobra 15,60 euros, a Caixa Geral de Depósitos quase 10 euros e o Bankinter 8,16 euros.

Aqui, o BBVA não cobra nenhum montante.

Tendo em conta o levantamento da DECO Proteste, é esperado que as comissões apresentadas sejam revistas na Assembleia República e sejam erradicadas da Banca portuguesa.

Nesse sentido, no comunicado a organização reforça a necessidade de terminar com estas taxas por cada serviço prestado pelos bancos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *