• Qui. Fev 29th, 2024

Japão coloca condutores alcoolizados ao volante para mostrar perigos de conduzir sob o efeito do álcool – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Ago 29, 2023

Conduzir alcoolizado para aumentar a segurança rodoviária? No Japão é este o novo método, pouco comum, que a polícia e os instrutores de condução têm implementado numa escola na cidade de Fukuoka. O objetivo é prevenir que os acidentes provocados pelo efeito de álcool.

Depois de, em 2006, três crianças, com idades entre um e quatro anos de idade, terem morrido num acidente numa ponte da cidade japonesa, após o automóvel onde seguiam ter sido abalroado por um condutor sob o efeito de álcool, a polícia de Chikushino, em Fukuoka, deu início a uma campanha de sensibilização para convencer os condutores com “excesso de confiança” a nunca conduzirem bêbados.

Desta forma, a escola de condução de Chikushino começou a oferecer experiências controladas de condução sob o efeito do álcool. Primeiro, os instrutores avaliam os reflexos e capacidades de condução dos participantes enquanto estes ainda estão sóbrios. De seguida, e como conta o The Guardian, ao longo de uma hora bebem uma cerveja de 350ml, um copo de vinho e um copo de aguardente — o suficiente para ultrapassarem o limite legal (0,15 mg por litro). A aula de condução tem depois lugar dentro do recinto da escola e sob controlo dos instrutores.

Renovação de cartas de condução anteriores a 2008 não vai exigir exame especial

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“O objetivo deste evento prático era permitir que os condutores experimentassem por si próprios a diferença entre conduzir antes e depois de beber e tivessem uma noção de como pode ser perigoso conduzir embriagado“, disse o porta-voz da polícia, citado na CNN International.

Depois da aula, muitos dos participantes afirmaram que a experiência permitiu que percebessem que tinham muito “excesso de confiança” na sua capacidade de conduzir sob a influencia de álcool e que se aperceberam dos perigos que conduzir bêbado implica.

De acordo com o canal norte-americano, alguns referiram que notaram que a sua capacidade de controlar o carro foi afetada, apesar de se sentirem bem para conduzir mesmo tendo bebido.

Dos limites de consumo de álcool à carta de condução digital. Bruxelas quer mudar as regras de habilitação para conduzir na UE

“Apesar de [beber] afetar as capacidades necessárias para conduzir, como a capacidade cognitiva, o discernimento e a capacidade de manobra do veículo, o condutor assume que está a conduzir em segurança — é esse o perigo de conduzir sob o efeito do álcool”, disse Shojiro Kubota, vice-diretor da escola de condução, citado no The Guardian.

Segundo o jornal britânico, a agência nacional de polícia do Japão avançou que a probabilidade de um acidente rodoviário envolver uma morte é sete vezes maior quando o condutor está sob o efeito de álcool.

“Esperamos que mais condutores se apercebam de como é perigoso conduzir embriagado”, disse o porta-voz da polícia.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *