• Qui. Mai 30th, 2024

Trabalhadores da EDP criticam postura da empresa e ameaçam agudizar protestos – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Abr 15, 2024

Os trabalhadores da EDP criticam a postura da empresa nas negociações, ameaçando agudizar os protestos e mantendo a greve que está a decorrer até ao fim do mês, segundo o Sindicato Nacional da Indústria e Energia (Sindel).

Em declarações à Lusa, Rui Miranda, secretário-geral da estrutura sindical, disse que, numa reunião que ocorreu esta segunda-feira, e na qual o presidente executivo da EDP, Miguel Stilwell d’Andrade, participou, por videoconferência, o gestor “continua a dizer que está aberto ao diálogo, mas que o processo está fechado”.

“Como é que ele está aberto ao diálogo se o processo está completamente fechado?”, questionou.

O sindicalista disse que, ainda que haja trabalhadores que receberam 3% de aumentos, “há um conjunto muito grande de quadros superiores que já há uns anos o que tem é zero”, referindo que “esses trabalhadores estão revoltados também”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Os sindicatos irão agora reunir-se para saber que medidas tomar, com Rui Miranda a garantir que irão manter a greve que está marcada até ao final deste mês.

“Vamos continuar, se calhar agudizando as lutas”, rematou.

Os trabalhadores da EDP estão em greve ao trabalho extraordinário desde 01 de dezembro e concentraram-se em Lisboa, no dia 10 de abril, junto à assembleia-geral de acionistas da empresa para mostrar o seu descontentamento ao grupo e reivindicar melhores condições de trabalho.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *