• Ter. Mar 5th, 2024

“Conseguimos começar a olhar para o livro como um bem essencial?” – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Ago 30, 2023

Durante um dia e meio — esta quinta-feira, 31 de agosto, e na manhã de sexta-feira, 1 de setembro — o setor livreiro (e não só) vai reunir-se na Book 2.0, uma conferência promovida pela Associação Portuguesa de Escritores e Livreiros (APEL), no antigo Museu Nacional dos Coches, em Lisboa, para refletir sobre o presente e o futuro da leitura em Portugal.

“Há algum tempo que andávamos a ver de que forma poderíamos trazer ao espaço público uma conversa que muitas vezes nos parece presa em gabinetes dos editores ou dos decisores políticos”, explica ao Observador o presidente da APEL, Pedro Sobral. “E era muito importante ter todos os agentes do setor envolvidos.”

Editores, escritores, políticos, jornalistas, especialistas em diversas áreas e até artistas que usam a palavra como ferramenta — caso do músico Tristany ou dos humoristas de improviso Commedia a La Carte — estarão juntos a debater uma série de temas em torno do setor e da própria importância do conceito de leitura.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *