• Ter. Abr 16th, 2024

Alemanha vence Sérvia e sagra-se campeã mundial pela primeira vez – Observador Feijoada

ByEdgar Guerreiro

Set 10, 2023

Melhor aperitivo era complicado: num inesperado encontro pela medalha de bronze entre EUA e Canadá, as duas equipas que eram mais apontadas à decisão no Campeonato do Mundo de basquetebol, os americanos conseguiram fazer quatro pontos no último segundo do tempo regulamentar (um lançamento livre marcado e outro falhado para resultar em triplo de seguida), a decisão foi para prolongamento e a partida que teve mais pontos neste Mundial terminou com os canadianos a segurarem mesmo o triunfo por 124-115. Em condições normais, esta seria mesmo a final mas essa estava apenas marcada para duas horas e meia depois, em Pasay, com as surpreendentes Sérvia e Alemanha a tentarem juntar o ouro ao desafio ganho aos mais “fortes”. Após o dececionante sétimo lugar em 2019, os EUA falharam de novo o pódio mas isso já não era notícia.

Os germânicos, que tinham como principal resultado em Mundiais a medalha de bronze em 2002, foram a grande surpresa lutando sempre contra essa ideia de “surpresa”: ganharam a fase inicial com dois triunfos tranquilos com Japão e Finlândia mais uma vitória apertada com a Austrália, venceram as duas partidas da segunda fase com as melhores exibições diante de Geórgia e Eslovénia, tiveram a plena afirmação com as vitórias a partir dos quartos frente a Letónia e EUA. Dennis Schröder, base que passou agora pelos LA Lakers e jogará em Toronto na próxima época, foi a peça fundamental para o sucesso de um conjunto que faz do coletivo a maior arma com os irmãos Wagner, Daniel Theis ou Isaac Bonga mas era de Andreas Obst que mais se falava depois dos vários triplos do jogador do Bayern de quem se dizia “merecer uma estátua”.

Da parte da Sérvia, o caminho foi semelhante apesar de um desaire inesperado com a Itália pelo meio (78-76) entre vitórias contra China, Porto Rico, Sudão do Sul, República Dominicana, Lituânia e Canadá. Bogdan Bogdanovic, jogador dos Atlanta Hawks, emergiu de forma natural como a grande figura de um conjunto que não contava nesta edição com Nikola Jokic, Vasilije Micic ou Nikola Kalinic e que tinha como “missão” poder chegar a um triunfo em homenagem a Borisa Simanic, jogador que após uma cotovelada de Anunwa Nuni Omot foi operado de urgência, sofreu complicações e teve de tirar um rim numa segunda intervenção.

Por alguma razão Noah Lyles, campeão mundial dos 100 e dos 200 metros no atletismo, ironizava com o facto de os vencedores da NBA serem proclamados “campeões do mundo”. Foi criticado, muito criticado, mas aquilo que se veria nas Filipinas era a coroação de uma equipa (uma verdadeira equipa) com alguns atletas de NBA mas que representavam outro país que não os EUA. E foi mesmo a Alemanha que fez história com o primeiro título mundial numa campanha só com vitórias, tendo como principal artífice o experiente técnico Gordon Herbert (que passou pela NBA mas como adjunto) e a inevitável estrela Dennis Schröder, que depois do skate se começou a dedicar mais a sério ao basquetebol após a morte do pai no ano de 2009.

Depois de um período inicial ganho pela Sérvia por apenas três pontos, em dez minutos que nunca tiveram vantagens superiores a uma posse, as principais estrelas apareceram no segundo parcial que deixou tudo empatado ao intervalo (47-47), com Dennis Schröder a fechar com 14 pontos, um ressalto, uma assistência e 63% de eficácia de lançamento contra um Bogdan Bogdanovic com 15 pontos, um ressalto, uma assistência e também 63% de eficácia de lançamento. Mais empatado seria difícil, com 13-12 nos ressaltos para os alemães e 9-9 nas assistências. Assim, era do descanso que viria a chave para desempatar a final, com a Alemanha a disparar para 12 pontos de avanço no final do terceiro período ao consentir apenas dez pontos a uma Sérvia sem Bogdanovic e sem alternativas (69-57) que ainda tentou resistir mas não evitou a derrota por 83-77, com Schröder a assumir todas as últimas posses de bola e a terminar com um total de 28 pontos marcados.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *